Canapé e dentinhos
filipestana@gmail.com

quarta-feira, setembro 13

Um dia voltarei

Até breve..............

segunda-feira, agosto 28

Homenagem justa


Como se não bastasse ter sido homenageado no World's Corner, fui agora alvo de uma saudação (muito especial) no "pasquim" com nome de ave e também de reserva.
Agradeço aos senhores a homenagem feita ainda enquanto estou vivo. Já agora, gostei da parte jornalista (entre aspas) Filipe Gonçalves. Nem imaginam. Agora até querem criar um clube de fãns. Obrigado a todos por me darem muita importância.

segunda-feira, agosto 14

Para os que têm o carro à venda

ATENÇÃO
Contaram-me esta:
«Há dias aconteceu com um primo:
Ele decidiu vender o carro e, como já é usual, utilizou o método de colocar um anúncio com o nº de telemóvel no vidro traseiro do carro. Quando se dirigia para o trabalho e conduzia muito tranquilamente a 50Km/h, toca o telemóvel:
Bom dia, fala de uma unidade móvel da Brigada de Trânsito da PSP e estamos atrás de si. O senhor não sabe que é proibido atender o telemóvel enquanto conduz. Encoste por favor!»
NO COMMENTS

terça-feira, agosto 8

World's Corner...Provar o próprio veneno

Há dias, num desses blogs (independentes), cuja existência mancha o ideal defendido por Marshall McLhuan, houve quem criticasse um texto de minha autoria.
A peça dava conta da passagem de Manoel de Oliveira (cineasta português) pelo Porto Santo. Fiz aquilo que na altura achei correcto: Que se tratava de um "exclusivo" e, um pouco mais à frente, escrevi: "o tempo concedido para a entrevista foi de quatro minutos. E quatro minutos bastaram para conhecer o cineasta...".
Por se tratar de uma peça "fait-divers", optei por brincar com as palavras.
O rei e senhor da sabedoria e do jornalismo português (que só não ganhou um pulitzer porque não mereceu) caiu logo em cima nessa bem dita e mal falada "world's corner".
É interessante. Muito interessante. Alguém, que não tem nada que faça, perder tempo a criticar o trabalho dos camaradas. Eu convivo bem com a crítica, mas quando é dita pela pessoa à minha frente (aliás como muitos o fazem). Não foi esse o caso.
De resto, criticar só porque fica bem ser do contra...Comigo não. Eu não alinho nessas crises existênciais.
Já agora....Há pessoas que gostam de andar no limite e brincam com o fogo. Foi o que aconteceu a este senhor. Acabou por se queimar.

PS: DE VOLTA À ACTUALIZAÇÃO DO BLOG (esta é para ti EP)

sexta-feira, julho 21

Também fui impedido de entrar na Assembleia

Há dias, terça-feira, julgo, fui impedido de entrar na Assembleia Legislativa da Madeira. A justificação prendia-se com o facto de usar sapatilhas. Devo dizer que mais depressa chego a Presidente da República do que os sapatos que usava (da ZARA que custou 56.58 euros e tenho o recibo que comprova) serão chamados sapatilhas.
O Correio da Manhã já telefonou para o DIÁRIO e eu tive de dar umas declarações.
Foi pena ser tratado assim...Senti-me humilhado!
Pena!

terça-feira, julho 11

É uma chulice!

Estado arrecada 75 cêntimos por litro
IGasolina custaria menos de 53 cêntimos por litro sem impostos
A gasolina de 95 octanas, cujo preço médio de venda ao público (PMVP) atingiu, no final de Setembro, 1,279 euros/litro, custaria, sem a carga fiscal que lhe está associada (IVA e ISP), apenas 52,9 cêntimos por litro. Quer isto dizer que o Estado fica com os restantes 75 cêntimos que paga por cada litro deste combustível.
No caso do gasóleo, cujo preço de venda rondava, na mesma altura, os 1,018 euros/litro, o valor cairia, expurgado da carga fiscal, para 53,3 cêntimos por litro. Neste caso, o Estado arrecada os outros 49 cêntimos.
No terceiro trimestre, os preços de venda, sem contar com os impostos, aumentaram 24,5% no caso do gasóleo e 9,7% no da gasolina, menos que no mercado internacional, segundo um estudo da Autoridade da Concorrência (AdC). De Setembro de 2004 até Setembro de 2005, o crescimento médio do PMVP antes de impostos para ambos os combustíveis foi de cerca de 40%.

segunda-feira, julho 10

Apoiar e selecção....sempre ou só às vezes?

Mal soou o apito final do jogo Itália vs França o país inteiro acordou de um sonho.
Só passado uma semana, aperceberam-se de que houve um ministro que apresentou a demissão e como consequência disso houve uma "rápida" reestruturação governamental. Ninguém notou. Ou melhor: quase ninguém.
Que o preço da gasolina voltou a aumentar. Por exemplo a gasolina de 95 octanas passou de 1.29 euros para 1.31.
E o povo a continuar de olhos colados ao ecrã, dormentes, a ver os "magnífcos milionários" a enriquecerem as contas bancárias com milhares de euros. Bom proveito!!!!
Acredito e tenho fé de que a santa que protegeu o Scolari durante os jogos também vai proteger Portugal. Ou se calhar talvez não. Dizem que vai sair da selecção portuguesa e que um banco está disposto a fincanciar a permanência à frente da selecção das quinas.
Para este caso, as instituições bancárias investem e viram costas a outras que precisam.
Depois de a equipa portuguesa ter recebido honras de abertura dos telejornais de prime-time. A alegria deu lugar à tristeza. Um incêndio vitimou um soldado da paz... A esse mártir o meu aplauso (esteja onde estiver). É o meu herói. É para ele que levanto a bandeira portuguesa!
Gostava que fosse o único...
Mas espero que os apoiantes da selecção mostrem de novo o lado patriótico e honrem a tão nobre profissão de Bombeiro.


 
FALLIN' (Alicia Keys)

Video Code provided by VideoCodeZone.Com